Artigos

Conteúdo relevante de nossos especialistas para os nossos paciêntes.

Doenças oculares
Clínica Dr. Seiko Sem categoria

Doenças oculares: conheça os dez transtornos mais comuns

Conheça as principais doenças oftalmológicas para você ficar alerta a qualquer sinal!

Os olhos são encarregados de 80% das informações processadas pelo cérebro. Por isso, é importante cuidar bem deles! Grande parte das doenças oculares podem causar problemas graves, mas a maioria delas podem ser prevenidas e tratadas quando diagnosticadas cedo e de maneira correta. No artigo de hoje, você conhece um pouco mais sobre cada as 10 principais doenças oculares a fim de buscar o tratamento ideal.

1 – Miopia
O uso excessivo de telas — e a pouca exposição solar das nossas crianças — está acarretando diversos problemas, dentre eles o maior número de casos de miopia. O transtorno é caracterizado pela dificuldade de enxergar de longe, sendo seu sintoma mais evidente. Além disso, o míope costuma sentir dores de cabeça e frequentemente precisa apertar as pálpebras para ver melhor.

2 – Astigmatismo
O astigmatismo é causado por uma diferença de curvatura nos meridianos da córnea ou do cristalino, resultando em uma visão embaçada e desfocada. Geralmente, aparece associado a outros erros refrativos, como a hipermetropia e a miopia.

3 – Hipermetropia
É o oposto da Miopia: pessoas com esse problema refracional têm dificuldade de enxergar de perto. As causas são de origem congênitas e o tratamento, assim como o astigmatismo e a miopia, pode ser feito com o uso de óculos, lentes de contato e procedimento cirúrgico.

4 – Presbiopia
Também conhecida como vista cansada, é uma condição que surge geralmente após os 40 anos. É um transtorno de acomodação do cristalino (lente natural do olho). Fica bem evidente quando o indivíduo começa a ter dificuldade com a visão de perto — como durante a leitura de um jornal. É comum as pessoas afastarem os objetos do rosto para facilitar a leitura. É um problema que pode ser corrigido com o auxílio de lentes de contato e óculos.

5– Catarata
A catarata consiste na opacidade parcial ou total do cristalino, que é uma lente natural e interna do globo ocular, sendo a principal causa de cegueira no mundo. Dificilmente é possível ver essa alteração a olho nu. As causas da doença envolvem envelhecimento, uso de medicações, fatores hereditários, metabólicos e congênitos.

6 – Hordéolo (terçol)
Popularmente conhecido por terçol, o Hordéolo é uma infecção das glândulas meibomianas, situadas nas pálpebras. O tratamento costuma exigir o uso de antibióticos e deve ser orientado por um profissional qualificado.

7 – Conjuntivite
A doença é caracterizada pela inflamação da conjuntiva. Pode ser causada por agentes tóxicos, bactérias, vírus e até mesmo alergias.

8 – Ceratocone
É uma doença não inflamatória que afeta o formato da córnea. O principal sintoma é a visão distorcida e borrada. Coçar os olhos está altamente associado ao desenvolvimento e piora do quadro. O diagnóstico da patologia é feito durante a consulta oftalmológica. Alguns exames podem ser solicitados para fechar o diagnostico como, por exemplo, a topografia corneana.

9 – Retinopatia Hipertensiva
Retinopatia hipertensiva é a lesão vascular da retina causada por hipertensão arterial. Os sintomas geralmente se desenvolvem no final da doença e incluem visão turva ou defeitos do campo visual.

10 – Glaucoma
O Glaucoma é uma doença causada por uma deficiência na drenagem do humor aquoso (líquido transparente produzido pelo corpo ciliar e localizado entre a córnea e o cristalino), podendo causar aumento da pressão intraocular, comprometimento do nervo óptico e alterações de campo visual. Quando não tratado, o Glaucoma pode causar cegueira irreversível por perda progressiva do campo visual.

Previna-se!
Há quanto você não visita um oftalmologista de confiança?
Fazer essas consultas de forma regular é muito importante para manter em dia a saúde, se mantendo livre das doenças oculares. Agende já o seu horário!