Artigos

Conteúdo relevante de nossos especialistas para os nossos paciêntes.

Homem com glaucoma
Clínica Dr. Seiko Doenças Oculares

Glaucoma: causas e sintomas desta condição

Entenda o que pode proporcionar este problema, um dos que mais causa cegueira no mundo

O glaucoma é uma doença ocular frequentemente muito insidiosa que afeta cerca de 2% das pessoas com mais de 40 anos. É uma doença ocular que afeta o nervo óptico e é uma das causas mais comuns de cegueira em pessoas com mais de 60 anos. 

Saber os riscos é fundamental para tentar reduzir as chances desse problema se manifestar. Portanto, acompanhe o texto de hoje e entenda mais sobre o tema. 

Afinal, o que é o glaucoma? 

Glaucoma é uma condição em que o nervo óptico é danificado devido ao aumento da pressão no olho (pressão intraocular). Isso acontece quando há dificuldade em drenar o líquido aquoso. Quando os ductos oculares não conseguem mais funcionar, a pressão no nervo óptico pode causar uma diminuição do campo visual, que, sem tratamento, pode levar à perda de visão. 

Quais são os tipos de glaucoma? 

Os eventos traumáticos, bem como um histórico médico específico, podem levar a doenças oculares. No que diz respeito ao glaucoma, existem dois tipos. Uma é uma doença crônica e a outra resulta de um evento traumático para o olho. 

Ambos têm efeitos semelhantes a longo prazo, mas os sintomas precursores são diferentes. Quanto ao glaucoma de ângulo aberto, o glaucoma se desenvolve por um longo tempo, enquanto o de ângulo fechado aparecerá mais rapidamente. 

Ângulo aberto 

Essa condição é a mais comum e se desenvolve sem sinalização. Essa variação de glaucoma se desenvolve com o tempo, geralmente em ambos os olhos. 

Pode levar décadas até que um sintoma apareça. No entanto, se não for tratado, esse aumento gradual de pressão no olho pode danificar o nervo óptico até que a visão seja perdida. 

Ângulo fechado 

Considerada uma emergência real, essa variação do glaucoma pode ser muito dolorosa. Geralmente após um trauma no olho, o glaucoma de ângulo fechado ocorre repentinamente. Leva apenas alguns meses antes que possamos detectar o glaucoma de ângulo fechado. Um golpe, medicamento ou até diabetes podem ser a causa. 

O que pode causar este problema? 

Hereditariedade 

A hereditariedade é um dos fatores de risco do problema. 30% dos glaucomas detectados são hereditários. Portanto, é recomendável monitorar de perto a saúde de seus olhos se houver glaucoma em sua família. Mas não tenha medo: não é sistemático que esteja presente em seus genes. 

Características anatômicas 

Pode acontecer que, após um evento específico, a pressão do olho aumente e leve ao desenvolvimento de glaucoma. Trauma ocular ou outros problemas de visão podem causar essa pressão intraocular. Também é possível que a causa seja diabetes, problemas cardiovasculares ou hipertensão. Pessoas com córneas finas também correm maior risco de desenvolver a doença. 

Medicamentos 

Com o tempo, as pessoas que precisam tomar corticosteroides por um longo prazo podem desenvolver glaucoma. Além disso, medicamentos como prednisona ou cortisona também podem afetar a pressão ocular. Se você estiver tratando uma condição médica com esses medicamentos, informe o seu oftalmologista para que ele o oriente e monitore mais de perto. 

Quais são os sintomas mais comuns? 

Os sinais e sintomas do glaucoma são numerosos, mas nem sempre estão presentes. Embora, na maioria dos casos, o glaucoma possa ser evitado monitorando a pressão do olho, algumas pessoas apresentarão sintomas sem ter visto uma mudança neste teste. 

Os sintomas mais comuns são: 

  • Dores de cabeça; 
  • Visão embaçada; 
  • Uma pupila mais dilatada; 
  • Ver halos ao redor da luz; 
  • Olhos avermelhados;
  • Náusea e vômito;
  • Dor no olho. 

O glaucoma é uma condição que pode ser evitada, porém não tem cura. No entanto, a detecção precoce do problema pode ser fundamental para tratar os sinais e reduzir os efeitos prejudiciais. 

Portanto, não hesite em procurar o seu oftalmologista de confiança sempre que desconfiar de algo na sua visão, principalmente se notar os sinais do glaucoma! 

Conte com a oftalmologia de excelência da Clínica de Olhos Dr. Seiko e agende sua consulta com os nossos profissionais. Tenha toda estrutura necessária para combater e tratar o glaucoma!