Artigos

Conteúdo relevante de nossos especialistas para os nossos paciêntes.

O estresse afeta sua visão
Clínica Dr. Seiko Sem categoria

Como o estresse afeta a sua visão?

Epidemia global. É assim que a Organização Mundial da Saúde (OMS) reconhece o estresse, uma doença que atinge mais de 90% da população do mundo. No Brasil, o transtorno também alcança suas proporções: somos o segundo país mais estressado do mundo, segundo um levantamento da Associação Internacional do Controle do Estresse (ISMA).

E você sabia que todo esse estresse pode afetar sua visão?

Pois é, quando prolongando e não tratado, o transtorno pode favorecer os tremores oculares, a visão embaçada, o lacrimejamento, as dores de cabeça e mais. Acompanhe no artigo de hoje!

Afinal, o que é o estresse?

O estresse é uma resposta do organismo a estímulos que representam circunstâncias ameaçadoras. É uma reação que nos prepara para a superar um perigo iminente. Essa reação está presente praticamente todos os dias da nossa vida. Em certa medida, é uma resposta natural do nosso organismo.
No entanto, quando esse estresse pontual se transforma em um caso de “estresse cronificado”, é preciso ficar atento. Procure identificar se esses sintomas estão afetando, por exemplo, a vida familiar, a rotina de trabalho, o tempo de autocuidado ou a disposição para sair. Em situações assim, é importante buscar ajuda profissional.

 

E os prejuízos à visão?

Nem sempre estamos cientes do impacto do estresse na nossa saúde e função visual, que nos nossos olhos pode variar de um leve desconforto até uma perda severa e incapacitante da visão.
Quando o nosso corpo está estressado é comum que as pupilas dilatem. Essa dilatação permite maior entrada de luz, nos possibilitando enxergar potenciais ameaças com mais clareza. No entanto, quando essa resposta ao transtorno é prolongada, e os níveis de adrenalina são elevados, há uma pressão mais intensa e duradoura em nos nossos olhos, favorecendo uma série de desconfortos:

Fadiga Ocular;
Serosa central;
Espasmos na pálpebra;
Mioquimia da pálpebra;
Glaucoma;
Neuropatia óptica;
Retinopatia diabética;
Degeneração macular (relacionada à idade).

Previna-se!

Há quanto você não visita um oftalmologista de confiança?
Fazer essas consultas de forma regular é muito importante para manter em dia a saúde dos seus olhos. Aqui na Clínica Seiko, temos toda estrutura e segurança para cuidar de você. Agende já o seu horário!